Como a enchente de 2008 em Santa Catarina me afetou na importação.

Sexta-feira, 21 de novembro de 2008, a Receita Federal do Brasil (RFB) havia desembaraçado o eixo para embarcação do tipo PSV que tinha parametrizado no canal vermelho, a mercadoria era muito aguardada, por isso nos esforçamos para tirar do armazém no porto de Itajaí, unitizar no container e transportar para o estaleiro no mesmo dia.

Tivemos sucesso na importação, foi um dia com gostinho de dever cumprido, mal podia esperar para chegar em casa e relaxar jogando Nintendo Wii. O retorno para casa seria como nos últimos 2 meses, andando devagar na BR 101 entre  Navegantes e Balneário Camboriú embaixo de chuva, ora garoando, ora mais forte, mas nunca parava.

Ninguém aguentava mais ouvir aquele maldito barulho de chuva. (mais…)

3 dicas para contornar o pagamento antecipado na importação.

Amado pelos exportadores e considerado a uva passa das formas de pagamento pelos importadores, a condição Antecipada nas compras internacionais é a primeira opção oferecida quando faço compras de empresas com as quais nunca negociei antes.

No comércio exterior brasileiro, são considerados pagamentos antecipados todos que forem realizados antes do embarque da mercadoria para o importador, mas alguns exportadores consideram “antecipado” com base na responsabilidade definida pelo Incoterm escolhido ou outro fato gerador específico.

Digo isso pois não quero me apegar à parte técnica e sim em como ter mais sucesso na negociação – antes, porém, quero mostrar como o pagamento antecipado dificulta as importações: (mais…)

O que eu aprendi depois de 21 artigos no Linkedin.

Senti a necessidade de refletir depois destes 21 artigos, sei que não é um número gigante (nem redondo, perdão para a turma do TOC), mas foi há 6 meses atrás que publiquei meu primeiro texto e, de lá para cá, cometi diversos erros e acertos que contribuíram para as importantes evoluções profissionais e pessoais que me ocorreram, sobre os quais tratarei aqui para que aproveitem o LinkedIn com eficiência e/ou sintam-se estimulados a usá-lo com constância.

– Mas por que 21? – Sei lá! Eu olhei minha lista maluca de ideias e não quis nenhuma, nem decidi ainda o assunto do próximo artigo. (mais…)