Quanto imposto pagamos nos presentes importados de natal?

Chegamos então nesta época mágica (para o comércio) em que somos socialmente obrigados a comprar presentes para pessoas queridas (ou não). Muito do que compramos é importado e por isso pensei, por que não conferir quanto que esse braziuzão querido “solicita” encarecidamente que paguemos de impostos incidentes na importação?

Cara, pensa num homem arrependido.

Claro que não posso sofrer sozinho, por isso, montei essa lista com 5 produtos populares na lista de presentes de Natal, para conferirmos as alíquotas e o quanto elas encarecem o produto.

Mas antes da lista, algumas rápidas ponderações:

(mais…)

Como podemos evitar ser um robô no trabalho e não ser demitido por um?

Já notaram que quando estamos realizando um trabalho repetitivo, nos comportamos similarmente a robôs?

Realizamos os procedimentos sem desviar o foco, sem lembrarmos dos detalhes de como fizemos, ausente de sentimentos e da noção de tempo, até esquecemos de tomar café ou água e só vamos ao banheiro quando a situação está crítica.

No livro Inteligência Emocional, o autor chama esse estado de Fluxo e conta como ele é presente entre artistas, profissionais do esporte e artesãos que chegaram na maestria de agir sem pensar.

Muhammad Ali e sua maestria do Fluxo em prática.

Mas entrar em Fluxo na frente de um computador por 8, 10, 14 horas para unicamente alimentar sistemas ou enviar e-mails padronizados, não faz de você um artista e muito menos um atleta. (mais…)

Agentes de Carga, precisamos conversar sobre seu saturado marketing.

Era mais um daqueles dias especiais no comércio exterior, em que tudo conspira para dar errado: vistoria cancelada porque o fiscal não quis pegar chuva, Siscomex não funcionava, um exportador que inventou feriado para justificar o atraso na entrega da mercadoria e outro com quem passei a tarde discutindo por e-mail sobre o porquê de precisarmos da Fatura Comercial assinada à caneta.

O telefone toca, pauso a playlist do Sam Smith que tentava me acalmar e atendo:

Você do comércio exterior deve conhecer essa história.

– OLÁ! TUDO BEM? – Me pergunta um jovem de voz nervosa e ainda não corrompido pela realidade do mundo, penso por um segundo se abro meu coração com aquele estranho e respondo: (mais…)